POESIAS de Carlos Kaliban
EU SÓ QUERIA...

Pensei que eu era... Gostei!
Pensava... gostava... Queria!
Mas, não era eu...
Que ali estava... Gostaria!

O que eu entendia ser meu
Era apenas ilusão, eu não sabia...
Pobre ser era eu, que pretendia...
Tudo queria... E...
Achava que tudo teria...


Agora vejo e percebo
Que realmente não podia...
De tudo, restava pouco...
De meu, só os sentimentos
Mais nada...

Só queria a paz
Só queria o amor
Mas aquele não era eu,
Eu não era aquela dor
Também não foi eu quem fiz
Nem inventei o amor...

Perdoa-me se não te fiz feliz
Entenda, não foi assim que eu quis...
Amor não é brinquedo
Por mais que voce pense
Sentimento é sentimento...

Os amigos são os que trazem
A palavra, o carinho, a esperança...
Reflito sobre o que dizem
E concluo sobre o que quero...

Porque sou, resolvo viver
Porque posso, novamente vou amar
Porque quero, a paz vou procurar.

 
 
Direitos Reservados